A importância do site para o marketing digital

Você já deve ter ouvido por aí:

“Investir em site hoje em dia é bobagem. Importante mesmo é estar nas mídias sociais”.

Isso é a maior mentira que já te contaram. Não acredite. E eu te falo isso com cem por cento de certeza. O site ocupa hoje a posição de uma das mais relevantes ferramentas de marketing digital. Não por sua mera existência, mas por ser meio para a execução de várias estratégias poderosíssimas.

Nesse texto anterior, o qual recomendo fortemente, já falei sobre alguns dos pontos que tornam o website indispensável. Nesse texto, vou optar por ir direto ao ponto e listar 5 estratégias que dependem do website para serem realizadas.

  1. Marketing de conteúdo

Por meio do seu website você poderá criar uma estratégia de marketing de conteúdo que, se bem executada, tanto tem o poder de te transformar em uma fonte de referência na sua área de atuação, como poderá elencar a credibilidade da sua marca com relação às suas áreas de atuação. Basta unir um conteúdo de qualidade, segmentado para a sua audiência, com uma boa estratégia de SEO (otimização para mecanismos de busca).

2. Posicionamento no Google

E por falar em SEO, com ele e a existência de um site bem avaliado pelos mecanismos de rankeamento do Google, você poderá escalar posições ao topo. Por exemplo, uma empresa que sequer aparece no Google, ao investir em um site e em uma estratégia de SEO bem executada, poderá em um período de um ano, em média, a depender da concorrência, escalar às primeiras posições em sites de busca. Esse é um exemplo real, testado e alcançado por mim.

3. Anúncios no Google Ads e Face Ads com audiência segmentada

Você sabia que é possível anunciar no Google, Facebook e Instagram para o público que visita o seu site (ou uma página específica dele)? Ou para um público semelhante a esse, por exemplo? Pois é. Isso permite que você consiga elaborar uma campanha estrutura, assertiva e muito mais eficiente de funil de vendas, levando a compras mais consistentes e clientes mais qualificados. Mas para isso, você precisa de um site. 😉

4. Estratégias de conquista de leads

Sabe aquelas campanhas em que as marcas dão um conteúdo estratégico de graça a fim de “capturar” dados de pessoas que se interessam pelo universo que a marca comercializa? Você pode, por exemplo, dar um ebook de presente em troca de um endereço de email; ou um desconto, em nome do número de telefone. As possibilidades são várias mas, para isso, você precisa de um site. Ou, para ser honesta, no mínimo uma landing page.

5. Interação com todos os seus canais

Por fim, a melhor parte do site, ao meu ver, continua sendo a possibilidade de compilar ali todos os seus canais oficiais de contato. Um cliente interessado não vai ficar tateando entre mídias sociais e contatos mediados. Ele poderá achar, no seu espaço, tudo o que você pode oferecer e que pode interessar ao potencial cliente: serviços, depoimentos de clientes, canais oficiais de contato, portfolio, textos institucionais, fotos. Enfim, tudo o que poderá construir a credibilidade para um bom relacionamento.

Te convenci? Então, se você ainda não tem um website, entra em contato conosco por esse link, que até o final de abril estamos oferecendo esse serviço com 10% de desconto. Aproveita!

Sobre o autor: Andressa Vieira

Jornalista, cinéfila incurável e escritora em formação. Típica escorpiana. Cearense natural e potiguar adotada. Apaixonada por cinema, literatura, música, arte e pessoas. Especialista em Cinema, Marketing Estratégico e mestranda em Estudos da Mídia (PPgEM/UFRN). É diretora da Atena.

Deixe um comentário