Erros comuns na criação de conteúdo: entendendo e superando!
Mina escrevendo em uma lousa digital

Uma coisa é fato: se você olhar para qualquer lugar no cenário digital, enxergará um campo amplamente competitivo, repleto de possibilidades e, claro, com alguns se destacando mais do que os outros. E aí você pensa: como ser um dos que se destacam?

 

Essa pergunta pode ter várias respostas, afinal, são muitos pontos que te levam até os holofotes. No entanto, um pode ser crucial nessa jornada… Sabe qual é? Evitar erros!

 

E, olha, ninguém está impune de passar por isso, viu?! Por mais que você tenha conhecimento da área, sempre é possível que dê uma mancada aqui ou outra ali. E foi pensando nisso que preparamos esse conteúdo.

 

Aqui, exploraremos alguns desses equívocos e forneceremos insights valiosos para aprimorar a criação de conteúdo digital. Vem com a gente!

 

Ilustração de um pessoa mexendo em vários computadores

 

Principais Equívocos na Produção de Conteúdo Digital

 

Todos nós sabemos que a criação de conteúdos para a web necessita de uma forte atenção e dedicação, afinal, para desempenhar esse papel é crucial desenvolver estratégias de marketing, comunicação, design e muito mais.

 

Sabemos que são tantas informações que, calma, não é nenhum grande pecado se você acaba errando de uma vez ou outra! Mas é sempre bom evitar que isso aconteça, ok? Então, confere aí esses erros e tenta deixá-los longe das suas produções!

 

Foco no ego, não na audiência

 

Um erro recorrente é criar conteúdo baseado nas preferências pessoais, ignorando as necessidades do seu público. Ao entender quem são seus consumidores, suas dores e desejos, é possível desenvolver conteúdo mais relevante e envolvente.

 

Exemplo: Uma empresa de tecnologia cria um artigo técnico complexo para falar de seus avanços, sem considerar que a maioria de seus consumidores precisam de informações mais acessíveis.

 

E por falar em público…

Não saber quem é seu público-alvo

 

Esse é péssimo porque ele leva as pessoas a produzirem conteúdos generalistas e genéricos, que não se aprofundam naquilo que as pessoas que te acompanham realmente estão desejando te ver compartilhando.

 

Exemplo: Um jardineiro compartilha suas experiências em um vlog, sendo que ao invés de falar sobre técnicas de jardinagem, ele acaba falando sobre plantas em geral, fazendo-o perder a oportunidade de um um público mais fiel e atento.

Ausência de narrativa

 

Contar uma história é uma poderosa ferramenta para criar conexões emocionais com a audiência. Ignorar a importância da narrativa pode resultar em conteúdo monótono e pouco envolvente.

 

Exemplo: Um vídeo de apresentação de produto que lista apenas características, sem contextualizar seu impacto na vida do consumidor.

Omissão de pesquisas

 

Informações baseadas em dados fortalecem o conteúdo, por isso, ignorar a realização de pesquisas para embasar o material pode levar a produções superficiais e pouco impactantes, que não surpreendem a ninguém e nem despertam interesse.

 

Exemplo: Elaborar uma análise de tendências de mercado sem fundamentar as conclusões em pesquisas confiáveis.

Desconexão com a estratégia de conteúdo

 

Criar conteúdo sem alinhá-lo à estratégia geral é um equívoco comum. É crucial identificar como o conteúdo contribuirá para os objetivos da marca e para a jornada do cliente, assim você se certifica de que ele seja relevante.

 

Exemplo: Produzir conteúdo educacional quando o objetivo é impulsionar vendas imediatas, sem considerar a fase de compra do cliente.

 

Desconsiderar a jornada do cliente

 

Outro erro comum é esquecer a jornada de compra do usuário. Isso implica em não adequar o conteúdo aos diferentes estágios do funil, como topo, meio ou fundo de funil.

 

Exemplo: Uma campanha de uma empresa de moda que cria um conteúdo para uma promoção de roupas, mas não informa como os descontos serão aplicados pelo cliente.

 

Não levar o algoritmo do Google em conta

 

Ignorar isso prejudica a visibilidade do conteúdo nos motores de busca! É essencial construir materiais bem posicionados para serem encontrados online, especialmente no principal mecanismo de pesquisa, o Google.

 

Exemplo: Quando o consumidor está na fase inicial de descoberta (topo de funil), ele procura informações gerais, e se o conteúdo oferecido não for educativo e introdutório, pouco provavelmente ele ficará no seu espaço.

 

Garoto usando computador

 

O sucesso da sua estratégia

 

Ao evitar esses erros na criação de conteúdo digital, os profissionais dessa área podem elevar significativamente a qualidade e a eficácia de suas estratégias, isso porque a constante busca por aprimoramento, aprendendo com os erros e se adaptando às mudanças, é essencial para alcançar resultados duradouros.

 

A criação de conteúdo digital é uma jornada contínua de refinamento e precisa de sua atenção para crescer, se transformando em um profissional mais bem equipado para oferecer valor, engajamento e conversão em um ambiente digital cada vez mais desafiador!

 

E se você quer saber mais como aqui na Atena nós construímos marcas inesquecíveis e narrativas impactantes para negócios irresistíveis de empreendedores que transformam o mundo, dá uma lida em outras postagens do nosso blog!

 

Entre em contato com a Atena e saiba mais! (84) 2040-1855 ou nos acompanhe pelo Instagram: @atena.marketing.

Vem com a gente!

Sobre o autor: Ricardo R. Nunes
Ricardo é redator da Atena, interessadíssimo em cultura pop e um constante aprendiz do uso das palavras. Já participou projetos audiovisuais em variadas funções e hoje se dedica ao aperfeiçoamento de sua escrita.
Thainá é estudante de publicidade e propaganda na UFRN, nascida em terras potiguares no dia do nordestino. Hoje está formando o time da Atena como Estagiária no time de Gestão e Estratégia. Libriana indecisa, de sorriso fácil e cachos no cabelo, acredita que a comunicação é um passo para dar visibilidade e inspirar pessoas.
Maisa é espontaneidade, é arte de museu e poesia de muro. Apreciadora de podcast, Taylor Swift e Clarice Lispector, tem descoberto mais sobre o amor ao ler Bell Hooks. Na procura do seu sonho e fugindo do sol do Piauí (como costuma dizer) veio, não ironicamente, parar na cidade do sol. Hoje, estudante de Publicidade e Propaganda na UFRN, está na Atena como Estagiária no time de Gestão e Estratégia.

Caicoense, mãe de uma menina, graduada em Comunicação e Marketing. Atua na Atena como Gestora de Projetos e Consultora. Nas horas vagas, estuda a doutrina espírita, assuntos do mundo da ufologia e atua em um projeto social que teve iniciativa desde 2020  (Instagram @mamaesquedoam).

Estudante de Publicidade e Propaganda na UFRN, Sabrina faz parte do time de Gestão e Estratégia na Atena. Amante das artes e da dança desde pequena, hoje alia sua criatividade e ensinamentos da dança à área comunicação social com profissionalismo e entusiasmo. Para além do trabalho, ela enxerga a comunicação como algo essencial ao ser humano e leva consigo o desejo de impactar o mundo através dos ideais em que acredita.
Formada em Design pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O meu trabalho é voltado para o mercado editorial, criação, aplicação e desenvolvimento de marcas, e mídias sociais.
Estudante de Audiovisual, Ricardo é estagiário de conteúdo. Interessadíssimo em dramaturgia para telas, se pudesse, passaria boa parte do seu dia a frente de uma TV assistindo novelas e séries ou indo a uma sala de cinema para ver filmes. Tem participado do fomento ao audiovisual potiguar, passando por experiências nas áreas de roteiro, direção e produção.
É graduada em Comunicação Social Jornalismo e mestra em Comunicação e Estudos da Mídia pela UFRN. Possui MBA em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais pela Estácio. Tem experiência como repórter, assessora de comunicação e hoje atua como Gestora de Relacionamento e de Customer Success da Atena. No Instagram, atende por @larimouraa
Kevin é produtor de conteúdo audiovisual na Atena. Graduado em Publicidade e Propaganda pela UnP, atua no mercado publicitário potiguar desde 2011, quando iniciou sua carreira como social media e diretor de arte. Hoje, dedica-se à sua paixão pela fotografia e criação de vídeos
Amante de todas as artes, é estudante de Design Gráfico na UNP. Já passou pela pintura, teatro, dança entre outros e se encontrou no design onde ela pode expressar a arte de forma mais tecnológica.
Criador de conteúdo na Atena, Eduardo é estudante de Jornalismo na UFRN. Grande admirador das diversas expressões artísticas, ele se aventura na arte da fotografia e escreve textos, poemas e músicas. Os seus hobbies favoritos é ler livros e ouvir e analisar álbuns musicais.

Estudante de Design na UFRN, Eduarda faz parte do time de Criação de Artes na Atena. Ela também ama fazer pinturas, desenhos realistas e artísticos, esculturas e fotografia, buscando sempre deixar um pouco da sua personalidade nos seus trabalhos e artes.

Nascida em Macau, no interior do RN, Cecília é graduanda em Jornalismo na UFRN. Na Atena, é redatora e criadora de conteúdo, já na sua versão mais artística, compartilha artes manuais no seu perfil do Instagram: @espacocecissol. Ela acredita que a escrita e arte transformam vidas, e fala isso por experiência própria.

Carol é desenvolvedora front-end nascida em Osasco SP, apaixonada por tecnologia, se formou em redes de computadores e acredita que a tecnologia é um direito de todos e quer mudar o mundo através da tecnologia.

Estudante de Jornalismo na UFRN, paraibana e entusiasta de esportes. Seu passatempo favorito é ler, e a astronomia é uma das coisas que mais a fascina. Acredita na comunicação como forma de ferramenta social.

Designer durante o dia e artista no tempo livre, Asafe é natural de Feira de Santana – BA e desde pequeno sempre gostou de criar coisas. Faz parte do time de criação de artes da Atena e ama ilustração e 3D, mas secretamente tem uma grande paixão por música.

Oi, me chamo Breno. Sou apaixonado pelo mundo do design e da tecnologia. Adoro experimentar coisas novas e aprender com elas.

Alvaro Hendrick é redator e criador de conteúdo na Atena. Formado em Publicidade e Propaganda, ele também é escritor e tem alguns trabalhos publicados na Amazon. Ele também produz um podcast chamado “É Sobre Isto Podcast”, disponível em todas as plataformas de streaming.
Gestora de Relacionamento e de Customer Success da Atena, Mayse Araújo atua na área de Comunicação desde 2007, e nas áreas Comercial e Financeira desde 2013. É formada em Jornalismo, e atualmente cursa Economia na UFRN. É entusiasta do Marketing Digital e de Conteúdo, estudiosa do Feminismo e acredita na seguinte máxima: se você não entende de pessoas, então você não entende de negócios.
Sócia-diretora, e também gestora de recursos e finanças da Atena, Melissa Zanin tem uma identidade (nada) secreta de atriz e produtora. Com sangue mineiro, adora ir ao teatro, cinema, é estudante de filosofia e adora ler sobre assuntos extraterrenos (não ria). Por aqui, é também conhecida como “a mulher do dinheiro”.
Diretora da Atena, Andressa atua como jornalista e gestora de Marketing Digital desde 2011, já tendo passado pelos setores público, privado e terceiro setor, com experiência na gestão de comunicação em grandes eventos, como a Copa do Mundo de 2014. É graduada em Comunicação Social – Jornalismo (UFRN) e Direito (UFRN), pós graduada em Cinema (UFRN), e possui MBA em Marketing Estratégico (UNI-RN) e Gestão, Empreendedorismo e Desenvolvimento de Negócios (PUCRS).

Jornalismo digital

Sou pesquisador – Qual o caminho para divulgar o meu projeto acadêmico?

Jornalismo e crítica cultural

Gestão do tempo e organização

Como tirar o seu projeto do papel

Marketing para projetos culturais

Divulgação de projetos

Escrita para Web

Gestão de marketing pessoal para profissionais liberais

Gestão de marketing pessoal para arquitetos

Gestão de marketing pessoal para médicos

Gestão de marketing pessoal para advogados

Introdução à gestão de marketing para empreendedores