7 passos para fazer um Mapa de Empatia para Negócios

Criar um Mapa de Empatia pode ser uma excelente maneira de entender o seu cliente a partir da persona. No mapa desenvolvido pelo site Gamestorming que ilustra o nosso post, é possível colocar no papel tudo de mais importante para entender as nuances da personalidade de cada cliente ilustrado no planejamento.

Continue lendo o nosso post e descubra mais sobre o que é e como aplicar no dia a dia da sua empresa, especialmente se você precisa começar a criar um planejamento de Marketing Digital.

Mapa de empatia: o que é 

Mapa de Empatia é uma ferramenta para entender a sua persona. Como o nome sugere, a ideia é colocar sobre o papel todas as informações a respeito da personalidade do cliente.

  • Por quem estamos tendo empatia? Quem é esta pessoa?

  • O que ele precisa fazer? Que decisões ele tem que fazer?

  • O que ele vê? O que ele consome? Por onde ele navega?

  • O que ele diz? O que ele tem a dizer?

  • O que ele faz? Qual o seu comportamento?

  • O que ele escuta? O que outros estão dizendo a ele? O que ele ouve dos amigos?

  • O que ele pensa e sente?

  • Quais as suas dores (frustrações, medos, ansiedades)? Quais as suas necessidades (esperanças, sonhos, desejos)?

7 passos para utilizar o mapa de empatia na sua empresa 

Se você já criou uma persona para a sua empresa, baseada em pesquisas e dados sobre os seus clientes ou público alvo, provavelmente já tem uma base para começar o mapa de empatia. Veja agora os sete passos apontados pelo mapa:

1- Por quem estamos tendo empatia? 

Precisamos saber quem é a pessoa que queremos entender. Neste ponto é importante “calçar os sapatos” da sua persona para construir este tópico. Como é a sua vida atualmente, que situação ela está vivendo? Outra coisa importante é saber de que forma aquela pessoa se encaixa no mundo.

Quando praticamos este exercício de empatia, podemos entender os próximos pontos que serão analisados.

2- O que ele precisa fazer?  

Que decisões ele tem que fazer?

É preciso pensar em potenciais necessidades que a persona possa ter. De que maneira o seu produto ou serviço pode ajudar o usuário a resolver um problema? Quais decisões o seu cliente tem que fazer e como ele saberá que fez as escolhas certas?

 3- O que ele vê? 

Agora vamos observar não apenas quem ele é, mas o que está ao seu redor. Como a persona enxerga o que os outros falam e fazem?

Enxergar através dos olhos da persona pode ajudar a entender, até mesmo, seus hábitos de consumo ou de navegação na internet.

 4- O que ele diz? 

Quando a empresa sabe escutar o que o cliente tem a dizer, boas ideias podem surgir. Entender qual a opinião da sua persona ou o que ele tem a dizer, pode ajudar a maneira que ele se comunica com as pessoas ou nas redes sociais.

Outro bom exercício é imaginar o que ele eles poderiam falar em determinadas situações.

 5- O que ele faz? 

 O que ele faz? Qual o seu comportamento?

Você sabe o que a sua persona fez hoje? Observação de comportamento é algo que já é normalmente feito em planejamentos. Entretanto, no caso da persona, é preciso colocar a imaginação pra funcionar.

De que maneira a sua empresa pode fazer parte do comportamento de uma pessoa? Em que lugares é possível estar para receber a devida atenção daquela pessoa.

6- O que ele escuta?   

O que a sua persona escuta diariamente? O que os outros falam pra ele? O que ele escuta dos amigos ou colegas de trabalho? É nesse ponto, por exemplo, que podemos apontar quais informações a persona recebe diariamente e quais os seus influenciadores (sejam virtuais ou não).

7- O que ele pensa e sente?  

Outros pensamentos ou sentimentos podem afetar a maneira que a persona se comporta. Seja de maneira positiva ou negativa, estes fatores podem alterar a percepção sobre o seu produto ou serviço.

Quais as suas dores? 

Podem ser consideradas “dores” da persona os medos, frustrações, traumas ou ansiedades.

Quais as suas necessidades? 

Também é possível incluir pontos de “oportunidade” na personalidade, como os desejos, necessidades, esperanças e sonhos.

É hora de começar! 

Com base em todas essas informações, já dá pra deixar a sua persona bem mais completa, não é? Agora é hora de fazer um exercício de criatividade pra deixar a sua comunicação ou planejamento ainda mais completos.

Ficou com dúvidas? Marketing digital é a resposta! Entre em contato com a Atena e saiba mais! (84) 2040-1855 ou no Instagram: @atena.marketing ⚔️

Fontes:

Gamestorming

Sebrae

Resultados Digitais

Sobre o autor: Alvaro Hendrick

Alvaro Hendrick é redator, supervisor e criador de conteúdo na Atena. Formado em Publicidade e Propaganda, ele também é escritor (tem alguns trabalhos publicados na Amazon e no Medium) e podcaster independente.

Deixe um comentário